Carros comprados durante a pandemia já podem ser emplacados

Carros comprados durante a pandemia já podem ser emplacados

A pandemia do COVID-19 mexeu com todos os segmentos, inclusive com os órgãos que cuidam do trânsito e do transporte.

Uma das alterações que aconteceram durante a pandemia foi o aumento do prazo para o emplacamento de carros novos. Em busca de manter as medidas sanitárias, os órgãos competentes pelo emplacamento dos veículos novos resolveram fechas as suas portas, esticando os prazos para realizar o emplacamento dos veículos.

De acordo como CONTRAN, os carros novos comprados entre fevereiro e novembro de 2020, poderiam circular sem placa por todo o território nacional, desde que o condutor portasse a nova discal de compra do veículo e que o CRV não estivesse expirado.

Com a estabilização da pandemia e a virada do ano, 2021 chega para os condutores com mais responsabilidades. Além dos encargos tradicionais dessa época do ano, como IPVA, CRLV entre outros, o motorista que comprou um carro zero deverá realizar o emplacamento o quanto antes.

Vamos entender como fica essa situação?

Emplacamento de carro em 2021

O CONTRAN determinou que todos os carros adquiridos de 19 de fevereiro até 30 de novembro de 2020, devem ser emplacados até final do mês de janeiro de 2021. Contudo, é importante lembrar que essa regra pode variar de Detran para Detran, já que cada estado do Brasil está em uma fase da pandemia.

Quem está realizando a transferência de veículo, inicialmente, foi obrigatório até o final de 2020. O Detran do Estado está prestes a encaminhar, uma nova proposta com datas para o Denatran, contudo, vale entrar em contato como Detran do seu estado para entender como anda o processo em cada lugar.

E o CRV?

O Certificado de Registro do Veículo (CRV), é emitido quando o carro é emplacado e não tem data de expiração. Nesse documento, constam as informações como dados pessoais do proprietário do veículo, modelo, chassi, ano de fabricação entre outros. Ele deve ser atualizado sempre que há troca de proprietários.

Esse documento também sofreu alterações durante a pandemia para carros novos, contudo, com a estabilidade já pode ser retomado em alguns estados. Para os estados que ainda não passaram pela reabertura dos órgãos de trânsito, um novo calendário deve ser divulgado em breve.

Como emplacar o seu carro

Para realizar o emplacamento do seu veículo, é importante primeiro marcar um horário no Detran do seu estado, e então encontrar uma agência licenciada do Detran para realizar não só a emissão da placa com os dígitos corretos, mas também a instalação correta da placa, que segue determinados padrões de visibilidade.

Para realizar o emplacamento do seu veículo, é importante ter em mãos:

  • Original e cópia de documentos pessoais (CPF, RG E CNH)
  • Cópia do comprovante de residência dos últimos 3 meses
  • Nota fiscal original da concessionária com decalque do chassi
  • Formulário RENAVAM

Com isso em mãos, o Detran emite a taxa de serviço e após o pagamento, é liberado no sistema uma data e local para realizar o emplacamento.

 

Não perca nada, continue nos acompanhando para mais dicas! Até a próxima!

 

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Post