Quando buzinar é permitido?

Quando buzinar é permitido?

A pressa, o estresse diário, a ansiedade e a falta de cordialidade no trânsito, são fatores que podem levar o condutor á utilizar a buzina. O problema é que muitas vezes o uso desse dispositivo pode causar mais estresse, e até mesmo gerar infrações para o condutor.

A Buzina é um item de segurança, sem sombra de dúvidas, e precisa estar sempre em boas condições. Contudo, ela é proibida em alguns locais e podem transformar o trânsito e a vida de quem vive aos redores, em um verdadeiro inferno.

Buzinar em locais inadequados pode ser considerado infração leve, com três pontos na carteira e multa de R$ 88,38. O artigo 227 do CTB define que:

I – Usar a buzina em situações que não a de toque breve como advertência ao pedestre ou a condutores de outro veículo

II – prolongada e sucessivamente a qualquer pretexto

III – entre as vinte e duas e às seis horas

IV – em locais e horários proibidos pela sinalização

V – em desacordo com os padrões e frequências estabelecidas pelo CONTRAN.

Logo, utilizar a buzina em casos desnecessários e promovendo a desordem no trânsito e da paz, confere infração.  Vamos entender mais sobre o assunto?

Buzina com intensidade muito alta

Algumas prescrições são padrão em todos os carros, inclusive o volume da buzina. De acordo com a determinação n.35 do DENATRAN, a pressão sonora de buzina ou acessórios sonoros, não pode ultrapassar os 104 decibéis para veículos saídos de fabrica a partir de 1999, e de 93 decibéis para os veículos depois de 2002.

Outro detalhe importante é que o som emitido não pode ser similar á veículos oficiais, como sirenes.

Buzina irregular pode ser nociva

A buzina mais alta do que o permitido e quando acionada em lugares irregulares pode ser nociva, não somente para o trânsito, mas para os pedestres e moradores da região, pois o som alto perturba a sua paz.

Contudo, a buzina não é uma vilã! Ela pode servir pra demonstrar cordialidade no trânsito, dar passagem, garantir a segurança, em especial para os motociclistas, que utilizam a buzina para informar sua passagem para os outros condutores.

Quando utilizar a buzina é permitido?

Agora que já sabemos um pouco mais sobre as consequências do uso da buzina de forma irregular, vamos te orientar como utilizar desse acessório da melhor maneira possível!

  • Dê toques leves na buzina: Como dissemos antes, a buzina pode ser utilizada de forma para demonstrar a cordialidade e um toque leve pode ser uma boa maneira. Essa ação não gera poluição sonora ou estresse para quem está ao redor.
  • Buzinas contínuas: Esse tipo de buzina é o grande X da questão. Quando se trata de chamar a atenção, uma buzina mais longa pode ser necessária e compreendida, mas em situações de trânsito intenso ou situações de acidentes, esse tipo de buzina pode se enquadrar no artigo 227 do CTB, e você poderá ser autuado.

Lembrando quem em áreas de hospital a buzina é proibida, em respeito aos enfermos.

Como recorrer à multa de buzina

Todo o condutor tem direito a recorrer à multa, e se essa infração pode te deixar em dirigir, então conte com a HS para continuar conduzindo. Converse com um de nossos condutores para conhecer mais sobre a HS!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Post